Qual é a história do churrasco?

Qual é A História do Churrasco?

Um passatempo favorito e uma tradição para muitos, o churrasco tem uma história longa e surpreendente. A mania de churrasco nasceu na verdade quando um ancestral humano chamado Homo erectus começou a cozinhar carne com fogo há cerca de 1,8 milhão de anos, de acordo com o Planet Barbecue (Workman Publishing, 2010).

ORIGEM

Ninguém tem certeza de onde o termo churrasco se originou. Há algumas teorias, uma delas é que os espanhóis, ao desembarcarem no Caribe, usaram a palavra barbacoa para se referir ao método dos nativos de cozinhar carne lentamente sobre uma plataforma de madeira; a outra
é que churrasco tem origem na palavra basca, Sukarra: su (fogo) e karra (chama).

No Brasil, a cultura nasceu graças aos tropeiros, que em meados do século XVII, perceberam que o gado usado para o transporte poderia ser uma fonte fácil de alimento.

Com o preparo fácil, pois temperavam apenas com o sal e assavam diretamente no fogo, esse costume rapidamente se popularizou.

A paixão pelo churrasco não é exclusividade do brasileiro. Outros países também têm como costume reunir os amigos em volta do fogo, como na Africa do Sul, onde o churrasco é considerado por eles um estilo de vida. Cada país faz churrasco em seu próprio estilo. O churrasco coreano apresenta fatias finas de carne bovina ou de porco cozida e é servida com arroz. Na Argentina a carne é cozida em um buraco sem fumaça. E, claro, há churrasco mongol, que não é churrasco nem de origem mongol, mas sim um tipo de fritura recentemente inventada em Taiwan.Nos encontros sociais, os homens são os responsáveis por grelhar a carne e as mulheres, pelas saladas e sobremesas.

Nos EUA, cada pessoa escolhe o ponto de cozimento de sua preferência, e os cortes de carne são acompanhados de diferentes tipos de molho, sendo o mais tradicional, o mundialmente conhecido Barbecue. Outros molhos a base de Shoyu, laranjas, maçãs e nabos também são bastante populares.

Normalmente, o churrasco norte-americano é preparado num “pit” ou “smoker”, uma espécie de churrasqueira a bafo que usa lenha ou carvão num compartimento lateral da grelha e que não têm contato com as carnes. Uma entrada de ar faz com que a fumaça passe por dentro da churrasqueira, assando e defumando as carnes lentamente.

REBANHO

O Brasil tem hoje o maior rebanho de Nelore do mundo.

Nelore é a raça de corte mais predominante no Brasil, responsável por 80% do rebanho nacional apresenta excelente adaptação nas regiões mais quentes do país e uma maior de resistência.

Com uma capa de gordura semelhante à do Angus, mas que perde em quantidade de gordura total e de gordura entremeada ou marmoreio.

Entre outras raças de corte presentes no Brasil, se destacam também Angus e Wagyu que ao contrário do Nelore, tem um maior marmoreio.

Hoje os cortes de carne estão evoluindo bastante, e o modo de fazer churrasco também.

Os clientes estão mais exigentes com o sabor, a maciez e o preparo da carne.

Está crescendo também um novo mercado de cortes nobres, carnes processadas e embutidos.

Espetinhos também tem ganhando grande destaque, devido a maior variedade de itens que enriquecem o churrasco e dão mais praticidade.

Além de serem simples no seu manuseio e muito saborosos e macios, apresentam baixo custo, praticidade, aproveitamento total, evitando assim o desperdício.

O churrasco brasileiro está cada vez melhor

A cada dia é mais comum vermos cortes considerados como nobres na churrasqueira do brasileiro.

Mas também não podemos esquecer dos espetinhos de churrasco com sabores variados que sempre fazem sucesso entre pessoas de todas as idades.

Paladares e preferências a parte, cá entre nós, o melhor churrasco é o que você faz. Então, no próximo domingo, quando o sol começar a brilhar, jogue um pouco de carne na grelha e prepare um verdadeiro e clássico churrasco.